Como, com que ferramentas e com quem treinar?

É verdade que a corrida está em voga. É inegável a capacidade que o fenómeno do running tem em unir multidões e criar laços. Mas será tão saudável assim correr apenas por correr? Será a corrida tão banal, que basta calçar as sapatilhas, sair à rua e correr, numa perspetiva de saúde? Bastará correr todos os dias para perder peso? Para ficar fit? Para ser um super-atleta?

Pois bem, quando nos sentimos doentes vamos ao Médico. Se precisamos de alguém que trate das nossas contas pessoais e/ou comerciais, recorremos ao Contabilista. Quando precisamos de bens alimentares, vamos ao Supermercado. Então, qual a razão para acharmos que se queremos perder peso, ficarmos com um corpo invejável ou sermos atletas de alto rendimento, não recorremos ao profissional de Educação Física? Seguindo a lógica natural das coisas, então poderíamos tratar da nossa própria saúde via online, analisarmos todas as nossas contas e as da empresa e até mesmo cultivar todos os alimentos que necessitamos no dia-a-dia.

Treinar é cuidar da nossa saúde. É tratar do nosso próprio corpo. É ser e viver a mudança que queremos ver. Como tal, o treino necessita de planificação, de análise, de estudo, de muita preparação. Afinal, é do nosso próprio corpo que estamos a falar, que estamos a tratar e é a ele que estamos a utilizar. É certo que se utilizarmos a internet, encontraremos lá milhões de planos de treino para o objetivo que queremos alcançar. E se mesmo assim nenhum deles for exatamente aquilo que procuramos, uma mistura de vários deles deve servir. Só devemos ter a consciência de que fazermos isso, é basicamente como comprarmos um medicamento qualquer para tratar uma determinada patologia sem consultar um Médico ou um Farmacêutico. E se esse medicamento não resultar, compramos vários diferentes e a mistura de todos eles deve resultar.

O treino deve ser o mais individualizado possível, tendo em conta as características únicas de cada um, as necessidades de cada um, a personalidade e, até mesmo, a genética. É um processo extremamente complexo, onde até o fator psicológico tem um peso determinante. E, por isso mesmo, não basta descarregar um programa de treino da internet, segui-lo e esperar resultados. Pode até obter alguns resultados positivos numa fase inicial, não direi o contrário. E o problema é mesmo esse. Como a pessoa obtém resultados, contra factos não há argumentos, certo? Só que o processo de treino é algo contínuo e que necessita dessa continuidade para que os resultados continuem a aparecer e sejam cada vez mais prazerosos, fundamentalmente. Daí a necessidade da personalização, da individualidade, da especificidade. E tal como não há ninguém melhor que o Médico para detetar e tratar das nossas patologias, não há ninguém melhor do que o profissional de Educação Física para prevenir essas mesmas patologias e tornar o nosso corpo cada vez mais capaz, cada vez mais eficiente, cada vez mais forte, cada vez mais saudável.

Não, sair à rua e correr simplesmente porque sim, não é a melhor solução. Ou não fosse a corrida uma sucessão de impactos e de agressões à nossa estrutura óssea e muscular, o que torna ainda mais perigosa essa decisão quanto maior for o nosso peso. Há tempo para tudo e subir um degrau de cada vez é a melhor maneira de chegar ao topo, sem quedas, sem consequências graves.

O processo de treino é algo demorado, é um processo lento e que necessita de paciência. Haverão tropeções e obstáculos pelo caminho, de certeza. Mas por isso mesmo é que o profissional de Educação Física estará do seu lado para o ensinar como evitar tropeções no futuro e como ultrapassar obstáculos, tornando o seu corpo cada vez mais capaz, tornando-o a si cada vez mais preparado.

É a nossa saúde. É o nosso corpo. Nós decidimos o que fazer com ele. E opções toda a gente as tem. É só saber escolher, é só saber tomá-las. É só definir o objetivo, decalcar a mudança que queremos ver e pedir ajuda a quem sabe, a quem fará essa mudança acontecer. É tão simples assim.

Outros Artigos de Opinião

Partilhar Este Artigo

Informação sobre o Autor

Daniel Soares

Formador de Marcha e Corrida

• Licenciado em Ciências do Desporto pela FADEUP • Professor no ginásio AmazinGym • Treinador de Nível II de Atletismo pela FPAtletismo • Personal Trainer

Recebe Conteúdos Exclusivos

Subscreve a nossa newsletter e mantém-te informado(a) sobre o desporto no nosso concelho.